Jovem de Santana do Maranhão se revolta e faz vídeo denunciando as péssimas condições em que se encontra a ponte daquela região.

         
           
                   



Jovem se revolta com a situação em que se encontra a ponte do Povoado São Gonçalo em Santana do Maranhão. Ela é uma ex. Aluna da C.E São Francisco ( Centro de Ensino Médio ) e como usuária dessa "passagem" que dar acesso ao Centro da Cidade , fica indignada, pois , a ponte se encontra completamente abandonada. 


A jovem fala da má Gestão do atual Prefeito, Fransquin Tavares, que prometeu mudanças e até o momento nada , somente desprezo pela Cidade. Segundo  ela, o povo é culpado  pela decisão equivocada , que na sua opinião , maioria das vezes , a própria população que é conivente, pela forma em que os Governantes fazem política, ou seja , o voto em troca de alguma coisa. Ela afirma, que esse resto de ponte foi feita pela população para facilitar o acesso ao Centro, e pede que os seus representantes façam alguma coisa para ajudar  as necessidades do povo .


OPINIÃO:

"É simples pedir votos e fazer promessas, criticar seus adversários Político e utilizar projetos que não estão dando certo para se colocar a frente da opinião Eleitoral e tirá proveitos . Porém depois que está com o poder nas mãos , não honra com os compromissos que lhes foi confiado pela maioria da população. É triste ver uma Jovem, que diante de sua revolta, ter quer ir para as redes Sociais e recolher assinaturas para chamar atenção e cobrar de forma mais "agressiva" algo que é de direito e mesmo assim , seus desejos não são acolhidos, simplesmente pela falta de compromisso daqueles que os representam. Essa Jovem está de parabéns pela coragem e que seja exemplo para mais pessoas , cobrar e fazer valer seus direitos mínimos." 

-Leandro rocha

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LAMENTÁVEL: Motociclista caiu em buraco em Rua no Bairro Lagoa Grande/Tutóia-MA

Na noite desse Sábado, 19 de Maio, Motocicleta cai em um buraco de mais de 2 metro de largura com 1,5 de profundidade.  A Rua que que...